Inovação para empresas: conheça as lições do Design Thinking!

Design

Inovação para empresas: conheça as lições do Design Thinking!

A tecnologia não para de evoluir, a concorrência no mercado é crescente e o público está cada vez mais exigente. Diante desses desafios, como manter sua empresa competitiva e bem-sucedida?

Para tanto, investir na inovação para empresas é fundamental. É por meio dela que você será capaz de atender às exigências e expectativas dos clientes e de manter-se à frente das companhias concorrentes. Quando o assunto é inovação para empresas, o Design Thinking pode ser muito útil para todos os setores, independente da área que você e seus funcionários trabalham. Pois, se trata de uma forma de investigar problemas e encontrar soluções.

Quando aplicada de forma correta a metodologia pode gerar resultados incríveis e mudando o dia a dia da gestão e da equipe. Quer saber quais são elas? Continue a leitura!

O que é o Design Thinking?

Antes de começarmos, é fundamental entender melhor o que é o Design Thinking. Trata-se de uma metodologia que valoriza o pensamento crítico e a criatividade, buscando uma melhor organização de ideias, tomada de decisões, escolha de soluções e aquisição de conhecimentos.

O Design Thinking entende que a empatia e a compreensão são qualidades imprescindíveis para lidar com o cliente e desenvolver produtos e serviços que atendam às suas expectativas. Com isso, sua empresa torna-se capaz de efetivamente ditar comportamentos e necessidades, e não apenas de solucioná-los com a criação. A ideia é replicar a forma de pensar do designer, que consiste em sempre estar centrado no usuário, ao invés de ter como o norte a busca da solução.

Para tanto, a metodologia estabelece-se como uma abordagem sistemática que valoriza a experimentação, a agilidade e a evolução constante, sempre aprendendo com os erros cometidos e percebendo o que está dando certo.

Para aprender mais sobre Design Thinking confira esse vídeo do nosso CEO Raul Macedo onde ele explica mais sobre essa metodologia:

Quais são as lições ensinadas pela metodologia?

Mais criatividade, menos pressão por resultados

Para que sua equipe possa ter ideias inovadoras, é fundamental que ela tenha espaço para pensar, criar e fazer sessões de brainstorming. Nesses momentos, não pense nos resultados — a pressão para alcançar determinado número é inimiga da criação, já que pode gerar ansiedade, nervosismo e medo.

Para que os colaboradores sintam-se livres, motivados e inspirados, o Design Thinking recomenda que eles tenham tempo para formular suas ideias sem que, inicialmente, precisem se preocupar com os resultados que elas são capazes de conquistar.

Mais empatia, menos modelos abstratos de clientes

Você deve conhecer os diferentes perfis que integram seu público para tomar decisões estratégicas relacionadas à inovação para empresas . Entretanto, isso não significa esquecer que cada cliente é um indivíduo único, com desejos, necessidades e prioridades próprias.

Sendo assim, o Design Thinking vai exercitar a empatia da equipe, que deve ser orientada a não se basear tanto em modelos abstratos de clientes. Com isso, todos que conversarem com eles se sentirão ouvidos e compreendidos, e a equipe estará mais bem equipada para oferecer um atendimento personalizado e conquistar de vez o público.

Geração de ideias com o Design Thinking

Para que as ideias possam fluir dentro da empresa e virem a se tornar estratégias, produtos, serviços e ações de qualidade, a metodologia conta com 5 fases distintas para a geração de ideias. São elas:

Empatia

Quais são as oportunidades de inovação dentro da companhia? Para encontrá-las, estude o que se passa na jornada do usuário, quais problemas ele enfrenta nessa jornada e porque eles acontecem.

Definição

Resuma tudo que você já aprendeu no primeiro passo identificando os principais problemas dos usuários para definir quais serão resolvidos na dinâmica do design thinking.

Ideação

Pensando sempre nas necessidades do cliente, comece a trazer diferentes soluções para o problema que o design thinking vai resolver.

Prototipação

Teste uma ou mais versões simples do item e lance-as em versão experimental. Isso não demanda grandes gastos e permite que você verifique se sua ideia realmente vai alcançar o público.

Teste

Teve uma resposta positiva no passo 4? Então é hora de levar seu produto/serviço para o mercado. Fique atento aos feedbacks dos clientes, que permitirão que você continue aprimorando sua ideia de maneira contínua.

Gostou de conhecer melhor o Design Thinking e suas lições de inovação? Então siga o nosso perfil no Instagram e fique por dentro das melhores estratégias para o seu negócio!

Letícia
postou 13/09/2021

© Mentores Digital 2021 - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Mentores