0
         
Tecnologia

Por Delvair Macedo - 02/02/2018

Learning Machine para Marketing: como usá-lo de forma estratégica?

learning machine

Você já imaginou quantos dados cada empresa gera em apenas um dia? Informações como nome, CPF, produtos comprados e horários de aquisição normalmente não recebem muita atenção das instituições, não é mesmo? Você pode ir mais além: dados de reuniões, atendimentos aos clientes, e-mails respondidos, tudo isso cria um grande volume de informações.

Ainda que seja humanamente impossível que uma única empresa consiga transformar tantos dados em informações úteis, é possível utilizar estratégias para entender melhor seu mercado. Exatamente para isso existe o Learning Machine (LM).

Neste post, você verá algumas possibilidades de utilização do Learning Machine no Marketing. Além disso, aprenderá como usá-lo de maneira estratégica. Pronto para revolucionar a forma como sua empresa lida com os dados? Continue a leitura!

O que é Learning Machine?

A partir dele, você pode fazer buscas em grandes volumes de dados, compreendendo padrões de compras e comportamento em uma velocidade que apenas a tecnologia consegue proporcionar.

Sendo assim, pode-se dizer que Learning Machine (ou Aprendizado da Máquina, em português) é uma forma de analisar dados. Esse método permite que dados complexos sejam analisados de forma rápida, o que é chamado de Big Data.

Com a Inteligência Artificial (IA), sua empresa poderá contar com algoritmos que interagem com cada dado, gerando respostas interessantes que ainda não foram programadas. Dessa maneira, você conseguirá criar soluções inteligentes e ter maior capacidade de prever movimentos no mercado.

Embora o Learning Machine seja uma das maiores tendências do futuro, já é possível ver seus movimentos no presente. Bons exemplos são a Amazon e a Netflix, uma vez que consideram o histórico comportamental dos clientes para prever itens que o consumidor provavelmente gostará de ler ou assistir.

Como utilizá-lo?

O único limite para utilizar Learing Machine na sua empresa é sua imaginação. Quer ter algumas ideias? Confira agora como transformar sua interação com os clientes!

Em conjunto com uma ferramenta de CRM

Utilizar LM com sua ferramenta de CRM é uma possibilidade interessante. As práticas para gerenciar o relacionamento com o cliente criam um número impressionante de dados todos os anos.

Por isso, as grandes empresas já começaram a se perguntar como esses dados contribuem para melhorar o atendimento ao cliente como um todo. Um bom exemplo disso são os chatbots.

Dessa maneira, você poderá utilizar Inteligência Artificial para atender com velocidade e qualidade às demandas dos usuários. Mais do que isso, os bots aprenderão com o comportamento dos usuários, prevendo respostas que serão mais satisfatórias às suas necessidades.

Analisando o comportamento do consumidor

Como você viu, o Learning Machine pode auxiliar seu negócio a entender melhor os comportamentos do consumidor. É possível, até mesmo, prever quando um usuário precisará de novos produtos.

Por exemplo: uma loja de petshop pode sugerir que está próxima a hora de comprar um novo pacote de rações. Há tecnologia também para fazer o envio automático, de acordo com o aprendizado dos algoritmos.

Em qualquer momento, pode-se entender quais são as principais dificuldades dos usuários para iniciar, continuar e concluir a Jornada da Compra. Assim, será mais fácil para sua empresa remover tais dificuldades e agradar ainda mais seus consumidores.

Melhorar a experiência do usuário com a marca

O LM também pode ajudá-lo a melhorar a experiência do usuário com a marca. O Facebook é um bom exemplo disso! Seu sistema de reconhecimento facial, por exemplo, permite que um internauta marque alguém que conheça em uma foto. Com tecnologia parecida, a GOL usa a face do cliente para fazer o check-in de maneira rápida.

E as possibilidades são quase ilimitadas. Você pode usar, também, reconhecimento por voz para desbloquear algum aplicativo ou interagir de forma diferente com esse usuário.

A Learning Machine já está transformando a maneira com que as empresas lidam com dados disponíveis e com as necessidades dos consumidores. Dessa forma, é possível antecipar tendências e levar o que o usuário deseja no momento em que ele mais precisa, aumentando as vendas e o número de clientes fidelizados.

E você, o que acha disso? Quais foram as suas experiências com o LM? Comente agora neste post e conte tudo que você pensa sobre esse assunto. Nós queremos saber!

Veja Também